Voltar à lista de Rádios AM Voltar à Página Principal

SUPER RÁDIO TUPI - AM 1280 kHz e FM 96,5 MHz

"AM EM FM" DA TUPI ATROPELA A ÉTICA E A LÍNGUA PORTUGUESA

Escrito em 22 de dezembro de 2010.

Erro de português no portal da Tupi AM: Tupi em todas os rádios
Tão apressada e ansiosa em propagar sua nova frequência em FM, a Tupi AM atropela a ética e a língua portuguesa, como prova esta reprodução do singelo aviso colocado na primeira página do portal da Tupi no dia 1º de junho de 2009. Agora temos "Tupi em todas os rádios".

A Tupi foi a primeira emissora fundada pelo líder do grupo Diários Associados, o jornalista Assis Chateaubriand. O magnata conseguiu montar, a partir da Tupi, uma cadeia de rádios com nomes de tribos indígenas. A esta cadeia ele chamava de "taba" associada.

A rádio sempre foi uma das mais fortes do Brasil, mesmo após a bancarrota do grupo Associados. Hoje chega até a liderar cadeias de emissoras, em jogos do Brasil na Copa do Mundo e em alguns jogos de times cariocas. Já teve em seus quadros comunicadores como: Ary Barroso, apresentador de auditório e locutor esportivo, Roberto Canazio, Luiz de França e Cidinha Campos, a combativa radialista que dá dor de cabeça em muitos políticos medíocres do Rio de Janeiro.

Hoje, a rádio conta com comunicadores como Clóvis Monteiro, na parte da manhã. A equipe de esportes é liderada pelo locutor Luiz Penido, que conta ainda com o comentarista Washington Rodrigues.

Um breve histórico da FM 96,5, ex-Nativa FM, antes de virar papagaio da Tupi AM

A FM 96,5 pertence, desde a entrada no ar, ao grupo Associados. Mas nem sempre foi uma rádio popular.

A estação foi inicialmente a Tupi FM, que foi por décadas uma rádio dedicada à "música de escritório", quase toda composta de standards da canção de vários países. Chegou a tocar música clássica.

Isso foi até fevereiro de 1994, quando a Tupi assumiu a configuração de rádio romântica. Inclusive já tendo o slogan "O amor do Rio".

Foi há cerca de 15 anos que a Tupi FM se associou à Nativa FM de São Paulo, outra rádio romântica, porém com uma estrutura maior. A emissora carioca mudou seu nome fantasia e logomarca para Nativa FM, e passou a fazer no Rio os mesmos tipos de promoção da homônima paulistana.

A operação de arrendamento da Antena 1 FM 103,7 foi a maior mancada da longa história da Tupi AM. Com a transferência da Nativa FM dos 96,5 para os 103,7 e a ocupação pela Tupi AM dos 1280 kHz e dos 96,5 MHz, foi extinta mais uma opção de uma FM diferente no dial carioca, além de deixar órfãos os ouvintes da Antena 1 e desempregados mais de 30 radialistas da Antena 1.

DADOS DA RÁDIO

Entrada no ar (em AM): 25 de setembro de 1935

Entrada no ar (outorga da Tupi FM 96,5 original): 24 de maio de 1974

Entrada no ar (em FM, repetindo sinal da AM): 1º de junho de 2009

Sede das outorgas de AM e de FM: Rio de Janeiro

Alcance em AM e FM: Grande Rio e arredores. Possui três parques de transmissão no Rio de Janeiro: um em AM, outro em FM no morro do Sumaré e um terceiro em FM na Serra do Mendanha (Zona Oeste carioca).

Endereço: Rua do Livramento, 189 - Saúde - Rio de Janeiro - RJ

Telefone do ouvinte: (55)(21) 2516-1280

Portal na Internet: www.tupi.am

Voltar ao Início Voltar à lista de Rádios AM Voltar à Página Principal